13.16. Evite o Uso do Construtor .error

A maneira correta de um Makefile sinalizar que o port não pode ser instalado devido a algum fator externo (por exemplo, o usuário especificou uma combinação ilegal de opções de compilação) é definir um valor não vazio para IGNORE. Este valor será formatado e mostrado ao usuário pelo comando make install.

É um equívoco comum usar .error para esse propósito. O problema com isso é que muitas ferramentas automatizadas que funcionam com a árvore de ports falharão nessa situação. A ocorrência mais comum disso é encontrada ao tentar construir o arquivo /usr/ports/INDEX (Veja Seção 10.1, “Executando make describe). No entanto, comandos ainda mais triviais, como make maintainer também irão falhar neste cenário. E Isto não é aceitável.

Exemplo 13.1. Como Evitar o Uso de .error

O primeiro dos próximos dois trechos de Makefile irá fazer o make index falhar, enquanto o segundo não:

.error "option is not supported"
IGNORE=option is not supported

All FreeBSD documents are available for download at https://download.freebsd.org/ftp/doc/

Questions that are not answered by the documentation may be sent to <freebsd-questions@FreeBSD.org>.
Send questions about this document to <freebsd-doc@FreeBSD.org>.