6. Imprimindo Arquivos no DOS

Neste ponto você provavelmente não tem uma impressora funcionando, então aqui vai uma maneira de criar um arquivo a partir de uma página de manual, movê-lo para um disquete, e então imprimi-lo do DOS. Suponhamos que você queira ler cuidadosamente sobre mudança de permissões em arquivos (muito importante). Você pode usar man chmod para ler a respeito. O comando

% man chmod | col -b > chmod.txt

irá remover códigos de formatação e enviar a página de manual para o arquivo chmod.txt em vez de mostrá-lo na tela. Agora coloque um disquete formatado no DOS em seu drive de disquete a, use o su para tornar-se root, e escreva

# /sbin/mount -t msdosfs /dev/fd0 /mnt

para montar o drive de disquete em /mnt.

Agora (você não precisa mais estar como root, e você pode executar exit para voltar para o usuário inicial jack) você pode ir até o diretório onde você criou o chmod.txt e copiar o arquivo para o disquete com:

% cp chmod.txt /mnt

e usar ls /mnt para obter a listagem do diretório /mnt, que deveria mostrar o arquivo chmod.txt.

Você pode querer criar um arquivo a partir do /sbin/dmesg executando:

% /sbin/dmesg > dmesg.txt

e copiar o dmesg.txt para o disquete. /sbin/dmesg é o registro das mensagens de boot, e ele é útil para entender o que o FreeBSD encontra durante a inicialização. Se você enviar perguntas para a lista de discussão para perguntas gerais sobre o FreeBSD ou para o grupo da USENET — como O FreeBSD não encontra a minha unidade de fita, o que eu faço? — as pessoas vão querer saber o que o dmesg diz.

Você pode desmontar o drive de disquete agora (como root) para retirá-lo com:

# /sbin/umount /mnt

e reiniciar para ir para o DOS. Copie os arquivos para um diretório do DOS, chame-os com o DOS EDIT, Windows® Notepad ou Wordpad, ou algum outro processador de texto, faça uma pequena alteração para o arquivo ser salvo, e imprima como você normalmente faz a partir do DOS ou Windows. Espero que funcione! Páginas de manual saem melhor se impressas com o comando print do DOS. (Copiar arquivos do FreeBSD para uma partição DOS montada ainda é, em alguns casos, um pouco arriscado.)

Obter uma impressora imprimindo do FreeBSD envolve criar uma entrada apropriada em /etc/printcap e criar um diretório de spool correspondente em /var/spool/output. Se sua impressora está na lpt0 (nos DOS é chamada de LPT1), você só precisa ir para /var/spool/output e (como root) criar o diretório lpd executando: mkdir lpd, se ele ainda não existe. Em seguida, a impressora deve responder se ela estiver ligada durante a inicialização, e lp ou lpr deve enviar um arquivo para a impressora. Se o arquivo vai ser impresso ou não, depende da configuração, esta é coberta no FreeBSD handbook.

Este, e outros documentos, podem ser obtidos em ftp://ftp.FreeBSD.org/pub/FreeBSD/doc/

Para perguntas sobre FreeBSD, leia a documentação antes de contatar <questions@FreeBSD.org>.

Para perguntas sobre esta documentação, envie e-mail para <doc@FreeBSD.org>.